Notícias da paróquia › 13/11/2017

Tarde de louvor e apresentação do grupo de jovens

“Foi uma experiência incrível: de contato com outros jovens, de louvor, contato com o Senhor. Com esse novo grupo, foi um evento inédito. Ver a participação de todo mundo foi emocionante e. sinceramente, é um grande incentivo para cada vez mais jovens irem à igreja.” Assim descreveu a jovem Raquel, do ETA, a Tarde de Louvor realizada na Paróquia de São Pedro no domingo, dia 24 de setembro. O evento marcou a apresentação do novo grupo de jovens da Paróquia de São Pedro, o Exército de Adonai.

Cerca de 50 pessoas participaram da Tarde de Louvor e da missa, incluindo os jovens do grupo Anjos da Graça, da Vila Albertina.

Para Bruno, foi uma tarde maravilhosa. “Fizemos uma grande família; aprendemos o quanto é importante ter um propósito na vida e seguir o  caminho do bem e com pessoas maravilhosas com o mesmo objetivo”.

Giula disse que teve uma experiência totalmente nova. “Eu nunca havia participado de algo tão simples, divertido e de uma importância tão grande para nós. Espero que tenha sido uma ótima maneira  de incentivo para novos jovens”, destacou.

Maria, uma das responsáveis pelo ETA, descreveu a Tarde de Louvor como um momento edificante. Ela disse que ficou feliz por ver os jovens interagindo com outros grupos.

Na Tarde de Louvor, em que houve adoração ao Santíssimo, os jovens também apresentaram uma peça de teatro que fala do amor ao próximo.

Na peça, um homem desempregado procura  trabalho e acaba passando mal de tanta fome. Uma mulher tenta ajudá-lo, mas um policial manda que ela se afaste, pensando que o homem estivesse bêbado. A mulher insiste e consegue levar o homem a um posto de saúde. Assim que ele melhora, volta a procurar emprego e pede a um empresário uma oportunidade. O empresário o despreza e diz que não deve ajudar  qualquer um. Ao sairem de cena, os narradores passam a discutir  sobre quem Jesus irá salvar quando voltar, e chegam à conclusão de que  terá a vida eterna  quem deu de comer e de beber a quem precisava.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.