Notícias da paróquia › 30/04/2019

Sexta-Feira Santa: não lembrar apenas da morte de Jesus e sim da Ressurreição

Adoração da Cruz de Cristo

A Sexta-feira Santa foi marcada por vários momentos de celebração, como a Adoração ao Santíssimo, das 6h da manhã às 14h50, sob a responsabilidade das diversas pastorais.
As 15h foi realizada a ação litúrgica, a narrativa da paixão de Cristo, a oração universal, a adoração da cruz e a comunhão.


Leitores narram a Paixão de Cristo na Sexta-Feira Santa

No final da tarde os fiéis participaram de uma reflexão com o tema A Esperança Cristã.

A Esperança Cristã foi tema de reflexão na Sexta-Feira Santa

A felicidade não é uma ilusão passageira. Deus nos apresenta um horizonte de luz. Jesus alimenta a nossa esperança. A Esperança nos protege contra o desânimo, se abre para as bem-aventuranças.
Aos seus discípulos, antes da hora da traição, disse Jesus: “Tende confiança! Eu venci o mundo” (Jo 16,33). “Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize” (Jo 14,27). Aceitar a desesperança é duvidar das Promessas de Deus. “Sede alegres na esperança, pacientes na tribulação e perseverantes na oração” (Rm 12,12). Somos motivados pela esperança Cristã.

Às 19h30, a comunidade da Paróquia São Pedro participou da procissão simbólica do Cristo Morto pelas ruas do bairro do Tremembé.

A procissão simbólica de Jesus morto teve um trajeto menor este ano, para facilitar a oração e bênção individual sobre cada fiel que participou da cerimônia da Sexta-Feira Santa.

Fiéis carregam a imagem de Nossa Senhora das dores

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

X