Notícias da paróquia › 05/12/2020

Pastoral da Criança na Paróquia São Pedro também ajudou as famílias durante a pandemia

Celebração da Vida, na Comunidade Santa Rosa de Lima

Por Vânia De Blasiis e Edmilson Fernandes

Hoje, 5 de dezembro, é o Dia Nacional da Pastoral da Criança. Fundada há quase 40 anos, a Pastoral da Criança é um organismo de ação social da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).
Aqui na Paróquia São Pedro, a Pastoral da Criança foi criada há 15 anos, com atividades na Comunidade Nossa Senhora Aparecida, na Vila Rosa.
Atualmente, sob a coordenação de Luciana Moreira, 6 líderes fazem o acompanhamento de 65 crianças de 0 a 6 anos e 51 famílias. Eles também contam com o apoio de 11 voluntários nas Celebrações da Vida e demais atividades, que acontecem na Comunidade Santa Rosa de Lima.
Durante a pandemia, o grupo procurou ajudar as famílias da comunidade, embora este não seja o foco da Pastoral, que é o acompanhamento do desenvolvimento infantil.

Ações desenvolvidas excepcionalmente entre março e dezembro:

– Distribuição de cestas básicas.
– Distribuição de máscaras infantis e álcool em gel.
– Ação do Dias das Crianças em outubro: entrega de 80 kits de casa em casa e verificação de todas as carteirinhas de vacinação (todos os protocolos de segurança foram seguidos).
– Visita domiciliar todos os meses no aplicativo.
– Comunicação ativa com as famílias pelo WhatsApp: informações sobre coronavírus, mensagens de apoio e conforto, plantão de dúvidas.
– Distribuição de enxovais para recém-nascidos.
– Doação de roupas e sapatos infantis.
– Encaminhamento de consultas ao CEMA.
– Apadrinhamento das crianças e distribuição das sacolinhas de Natal em todas em casas.

Missão da Pastoral da Criança

– Orientar e acompanhar as famílias vizinhas em ações básicas de saúde, educação, nutrição e cidadania, tendo como objetivo o desenvolvimento integral das crianças, desde a gestação até os 6 anos de idade.
– Promover uma convivência com respeito e dignidade às gestantes, crianças e famílias.
– Contribuir na criação de um ambiente favorável ao desenvolvimento infantil.
– Denunciar injustiças sociais e falta de condições dignas para todos.
– Levar a espiritualidade e a fé para as famílias e a comunidade.

História

A Pastoral da Criança foi fundada em 1983, na cidade de Florestópolis, no Paraná, pela médica sanitarista e pediatra Dra. Zilda Arns, e pelo então Arcebispo de Londrina, Dom Geraldo Majella Agnelo. A meta inicial era unir esforços para diminuir cada vez mais a mortalidade infantil.
Após um ano de atividades, a mortalidade infantil foi reduzida de 127 para 28 crianças a cada mil nascidas. Diante do sucesso, no ano seguinte o trabalho da Pastoral da Criança se expandiu para outras regiões brasileiras.

Números:
1,8 milhões de crianças de 0 a 6 anos acompanhadas em todo o Brasil
94 mil gestantes assistidas
42 mil comunidades visitadas
260.000 voluntários capacitados

____________________________
Fonte: Site da Pastoral da Criança e Museu da Vida

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.